Veja o que a Samsung falou sobre os primeiros problemas do Galaxy Fold

Quarta-feira não foi um bom dia para a Samsung. Na segunda-feira, entregou as primeiras unidades de seu carro-chefe inovador – o Samsung Galaxy Fold , mas alguns dias depois, pelo menos quatro telas internas dos dispositivos apresentaram defeitos.

Veja o que a Samsung falou sobre os primeiros problemas do Galaxy Fold

O registro de falhas foram relatados pelos testadores: Dieter Bohn, da The Verge, e Steve Kovach, da CNBC , que tiveram falhas na tela ao usar o telefone.

As outras falhas ocorreram devido à manipulação indevida de uma película protetora sobre a tela. Em particular, a unidade do MKBHD falhou porque ele tentou remover este filme pensando que era um protetor de tela removível. Embora isso seja tecnicamente verdade, esse filme não deve ser removido.

Nos últimos anos, aprendemos que uma película protetora que vem pré-instalada em um telefone é uma maneira opcional de proteger a tela e pode ser facilmente removida. Este não é o caso de um dos primeiros telefones dobráveis no mercado.

A Samsung não deixou passar um dia antes de abordar o problema em uma declaração oficial para o The Verge.

“Um número limitado de amostras iniciais do Galaxy Fold foi fornecido à mídia para análise. Recebemos alguns relatórios sobre a exibição principal nas amostras fornecidas. Vamos inspecionar minuciosamente essas unidades pessoalmente para determinar a causa do problema.”

“Separadamente, alguns revisores relataram ter removido a camada superior do monitor, causando danos à tela. A tela principal do Galaxy Fold possui uma camada protetora superior, que faz parte da estrutura de exibição projetada para proteger a tela contra arranhões indesejados. Remover a camada protetora ou adicionar adesivos ao visor principal pode causar danos. Garantiremos que esta informação seja claramente entregue aos nossos clientes.”

A Samsung diz que investigará completamente a causa dos dispositivos que falharam nas mãos da mídia. Ao mesmo tempo, lembra-nos que a camada protetora não deve ser removida nem destina-se a suportar outra camada adesiva na parte superior (sem protetores de tela de terceiros). Certamente, transmitirá explicitamente essas informações aos clientes.

Isso continua a ser visto em uso a longo prazo, uma vez que é um novo produto. Outros dispositivos Galaxy Fold nas mãos da mídia parecem estar funcionando bem. Teremos que esperar até que o telefone seja colocado à venda para ver se isso é realmente um problema generalizado ou apenas um problema com os primeiros lotes.

FONTEGSMARENA

Inscreva-se em nosso canal

Artigos Relacionados