Messenger Kids deve ser bloqueado para que as crianças não percam o sono, isso porque o Facebook está adicionando um recurso que os pais pediram: bloquear o aplicativo durante determinados horários.

Messenger Kids deve ser bloqueado

O Messenger Kids, lançado em dezembro de 2017 para oferecer mais segurança às crianças, teve certa controvérsia durante o pouco tempo em que esteve disponível.

Especificamente, o recurso poderá bloquear o acesso ao aplicativo durante o jantar, no horário de fazer a lição de casa ou na hora de dormir. Essa opção deverá ser ativada a partir da conta de um dos pais, o que impedirá os pequenos de enviar ou receber mensagens ou fazer videochamadas, e qualquer outra coisa no aplicativo.

Para maior controle dos pais, o Facebook diz que esses períodos podem ser alterados sempre que os pais acharem adequado.

Messenger Kids deve ser bloqueado

Resta saber se isso vai diminuir a polêmica em torno do aplicativo. Em janeiro, 97 especialistas em saúde infantil se juntaram para enviar uma carta a Mark Zuckerberg pedindo para que o Messenger Kids seja desativado, pois ele poderia prejudicar o desenvolvimento infantil e aumentar o tempo gasto com dispositivos digitais.

De acordo com esses especialistas, um estudo mostrou que o aumento da interação de crianças com dispositivos digitais pode ampliar o índice de depressão, maus hábitos de sono e o uso de postura corporal errada em crianças e adolescentes.

No entanto, o Facebook respondeu dizendo que pais em todo o país puderam manter contato com seus filhos graças ao aplicativo, que permitiu que as crianças fiquem em contato com os membros da família perto e longe.

FONTETudoCelular

Inscreva-se em nosso canal

Artigos Relacionados

Comentários